Fenassojaf aprova reintegração da Assojaf RJ

Fenassojaf aprova reintegração da Assojaf RJ

Fenassojaf aprova reintegração da Assojaf RJ

Por unanimidade, o Conselho de Representantes da Fenassojaf aceitou, nesta quarta-feira (28/8), o pedido de reintegração da Assojaf-RJ. A decisão ocorreu durante reunião da instância no 12º Encontro Nacional dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais (12º Conojaf), que acontece em Gramado (RS). O pedido de retorno havia sido aprovado, por ampla maioria, em assembleia geral extraordinária da Assojaf RJ realizada em 15/8. 

 

A delegação do oficialato fluminense que participa do 12º Conojaf comemorou a refiliação. "Como os mais antigos sabem, a Fenassojaf foi criada pela transformação da Associação Nacional de Oficiais de Justiça, na mesma sala onde até hoje a Assojaf RJ realiza suas assembleias, no Centro do Rio. Fomos forçados a nos desfiliar por questões estatutárias e financeiras, em 2005. Ultrapassados os problemas, estamos de volta", emocionou-se o vice-presidente da Assojaf RJ e um dos fundadores da Fenassojaf, Tobias Isaac. 

 

"Voltar a participar organicamente da entidade nacional, ao lado de companheiros de todos os estados, vai legitimar e fortalecer ainda mais nossa atuação, sobretudo porque temos um 'patrão' comum, que fica em Brasília", acrescentou o diretor jurídico da Assojaf, Pietro Valério. Ele também lembrou que a articulação entre o presidente da Fenassojaf, Neemias Freire, o diretor Eduardo Virtuoso, o presidente da Assojaf RJ, Sérgio Gonçalves, e a coordenadora do Núcleo de Oficiais de Justiça Avaliadores Federais (Nojaf) do Sindicato dos Servidores da Justiça Federal (Sisejufe), Mariana Liria, foi fundamental para que o oficialato fluminense pudesse voltar a ter assento à mesa da Federação. 

 

Troca de experiências – Coordenadora do Nojaf e delegada da Assojaf RJ, Liria ressaltou que o Núcleo ajudou a manter a articulação dos oficiais do Rio com as pautas nacionais da categoria durante o período da desfiliação. Para ela, contudo, com a reintegração a troca com colegas de outros estados vai se tornar mais intensa em diversas pautas como, por exemplo, nas questões de segurança, tendo em vista a experiência vivenciada na prática da profissão no estado. 

 

Na imagem, a delegação da Assojaf no 12º Conojaf. Da esquerda para a direita os oficiais de justiça avaliadores federais Pietro Valério, Tobias Isaac, Daniela Demétrio, Denise Pitombo, Márcio Cotta e Mariana Liria.

Texto: Rafael Rodrigues

 

admin

Close